DGArtes - Agenda Online

Header Gestão Electrónica de Concursos

Acessibilidade


imprimir

"Operários da Utopia", uma criação do Teatro das Beiras, com encenação de Marco Ferreira, para assistir até 27 de outubro

As inspirações literárias de Thomas More em 'Utopia' de 1516, de Aldous Huxley em 'Admirável Mundo Novo' de 1932 e George Orwell em 'Mil Novecentos e Oitenta e Quatro' de 1949, foram o ponto de partida desta criação.

SINOPSE

Pelo Teatro das Beiras

"E hoje? Em pleno século XXI, qual é o significado de utopia? Ou melhor: - Para que serve a utopia? Fomos aos protagonistas das novas utopias, alunos e alunas das escolas secundárias da Covilhã, perguntar o que entendem por utopia.
Desenhámos mapas de ilhas/sociedades imaginárias nas salas de aula, criámos governos distopianos e admiráveis novos mundos, mas não encontrámos uma resposta satisfatória à pergunta. Trabalhámos teatralmente a partir do material recolhido nas escolas, as utopias que nos aproximam e, em oposição, reagimos pela interpretação negativa do futuro, com críticas e sátiras sociais, procurando no exagero um desenlace catastrófico para a humanidade. Nas distopias, encontrámos uma nova pergunta: - Para que serve o teatro?
O teatro como espaço utópico do "não-lugar", lugar que não existe, lugar do imaginário, do futuro. Um teatro que serve de horizonte, que nos faz continuar a caminhar em direção à utopia. Estas são as duas perguntas chave para as quais não temos, nem queremos ter resposta, antes esperamos a partir delas provocar um debate necessário acerca da dicotomia existente entre a sociedade e a arte, o teatro e a utopia, a imaginação e a realidade. Afinal todos somos protagonistas, de uma forma ou de outra, na construção de um mundo novo. Somos os operários da utopia."

FICHA ARTÍSTICA E TÉCNICA

Criação Coletiva
Encenação: Marco Ferreira
Direção musical: Rogério Peixinho
Assistência de encenação: Fernando Landeira Interpretação: Marco Ferreira, Miguel Telmo, Sónia Botelho, Flávia Castro (Acordeão), Inês Leitão (Clarinete), João Morgado (Violino)
Apoio técnico: Jay Collin
Direção de produção: Fernando Sena
Produção: Celina Gonçalves
Fotos: Paulo Nuno Silva
Vídeo: Ivo Silva
Parceria: EPABI

Duração: 60 minutos

IMAGEM

Fotografia: Paulo Nuno Silva

LOCAIS, DATAS E HORÁRIOS DE APRESENTAÇÃO

11 a 27 de outubro de 2016
Auditório Teatro das Beiras
Covilhã

Sessões para escolas: 11, 12, 13, 14, 18, 19, 20, 21, 26 e 27 de outubro
Sessões para o público em geral: 14, 15, 21 e 22 de outubro, às 21h30

BILHETEIRA

Preço bilhetes: entre 3 e 6 euros 6 euros

PÚBLICO

Classificação etária: maiores de 12 anos

MAIS INFORMAÇÕES

www.teatrodasbeiras.pt




















Local:

Data de início:
11 de Outubro de 2016

Data do fim:
27 de Outubro de 2016

Ficha técnica:



Calendário

 Abril | Maio | Junho 

D S T Q Q S S
      
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
     

Pesquisa


Login

Brevemente disponível

Newsletter

Brevemente disponível


Rodapé

© Direção-Geral das Artes, todos direitos reservados.

  • Logo Ministério da Cultura
  • Logo Instituto das Arates
  • Logo Programa Operacional da Cultura
  • Bandeira da União Europeia
  • Símbolo de conformidade nível AA das Directrizes de Acessibilidade Web
  • Símbolo de Acessibilidade à Web[D]