DGArtes - Agenda Online

Header Gestão Electrónica de Concursos

Acessibilidade


imprimir

"A Tempestade" de William Shakespeare

Tudo se passa numa estranha ilha, talvez algures no mar Mediterrâneo. Aí vive exilado há doze anos o mágico Próspero, antigo Duque de Milão, com a sua filha Miranda de quinze anos de idade. A essa ilha terá ido aportar depois do seu irmão António lhe ter usurpado o Ducado e o ter lançado ao mar numa barcaça. Além de sua jovem filha que lá cresceu, a ilha só tem mais um habitante: o selvagem Caliban, filho de uma feiticeira que para ali tinha sido deportada e que agora é escravo de Próspero, que continua entregar-se ao estudo das ciências ocultas, e a fazer magias auxiliado por um espírito do ar, Ariel, conseguindo por artes mágicas dominar os elementos. Aproveitando a passagem da armada do rei de Nápoles, Ariel desencadeia uma tempestade, provocando um naufrágio do navio real, onde se encontravam, para além do monarca, Fernando, seu filho, Sebastião, irmão do rei, António, o usurpador, e Gonçalo, um velho conselheiro que tinha permanecido fiel a Próspero, e dois servidores da corte, Trínculo, o bobo, e Estêvão, o despenseiro. Todos nadam até à ilha e Próspero consegue "vingar-se" da injustiça da sua deportação fazendo Miranda encontrar-se com Fernando, herdeiro de Nápoles e, pelo seu casamento, unir as duas coroas. Com uma série de peripécias e artifícios de Ariel, Próspero dá uma lição aos culpados a quem acaba por perdoar. A ordem é reposta, não, como é habitual, com o castigo dos maus mas, ainda que com algum cepticismo, através do perdão, mais nobre e mais humano que a justiça. É pelo menos esta a hipótese que Próspero põe, nunca se tendo a certeza se se trata de um sonho, de uma imaginária encenação da realidade ou de uma história verdadeira.

Ficha Técnica:

Tradução José Manuel Mendes, Luis Lima Barreto e Luis Miguel Cintra
Encenação Luis Miguel Cintra
Cenário e Figurinos Cristina Reis
Desenho de luz Daniel Worm D'Assumpção.
Colaboração Musical: Marcos Magalhães
Interpretação António Fonseca, Dinis Gomes, Duarte Guimarães, João Pedro Vaz, José Manuel Mendes, Luis Lima Barreto, Luis Miguel Cintra, Márcia Breia, Nuno Lopes, Paulo Moura Lopes, Pedro Lamas, Ricardo Aibéo, Rita Durão, Sofia Marques, Tiago Matias e Vítor D�Andrade e Marcos Magalhães e José Carlos Araújo (cravo).

Mais Informações em :

www.teatro-cornucopia.pt

Local:
Teatro do Bairro Alto, Lisboa

Data de início:
12 de Março de 2009

Data do fim:
26 de Abril de 2009

Ficha técnica:



Calendário

 Março | Abril | Maio 

D S T Q Q S S
    
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
 

Pesquisa


Login

Brevemente disponível

Newsletter

Brevemente disponível


Rodapé

© Direção-Geral das Artes, todos direitos reservados.

  • Logo Ministério da Cultura
  • Logo Instituto das Arates
  • Logo Programa Operacional da Cultura
  • Bandeira da União Europeia
  • Símbolo de conformidade nível AA das Directrizes de Acessibilidade Web
  • Símbolo de Acessibilidade à Web[D]