DGArtes - Agenda Online

Header Gestão Electrónica de Concursos

Accessibility


print

Chegadas, pelo Teatro do Vestido

Sinopse

Chegadas nasce de um processo de trabalho em duas etapas, duas residências artísticas acolhidas pelo Festival Escrita na Paisagem: a primeira teve lugar em Agosto de 2009, em Évora, e a segunda, iniciada no passado dia 16, decorre até dia 29, também em Évora.

Chegadas é uma peça de teatro documental, onde a observação se deixa permear pelos observadores. É uma estória sobre uma experiência peculiar ? chegar ?, contada e re:presentada por actores-nómadas. É também um projecto que aborda de forma muito especial o tema escolhido para a 7ª edição do Festival Escrita na Paisagem ? Re:play ? , desvendando o quanto há de sendo re:novação nos actos de re:petir e re:fazer. Com efeito, o acto de chegar está inscrito nos nosso corpos e nós actuamo-lo uma e outra vez, mas sempre de um modo diferente. Chegar é sempre-já re:gressar, mesmo que não conheçamos os lugares e as pessoas que os habitam. Estamos sempre a chegar a algum lado, vindos de um lado qualquer. E a cada chegada estamos diferentes.

Sobre esta criação, a 14ª de Teatro do Vestido, e a forma como esta se inscreve no trabalho da companhia, Joana Craveiro, encenadora e directora artística, diz: ?[e]m Chegadas recuperamos movimentos e textos que são como que um ensaio geral de actos quotidianos, mil vezes repetidos e vividos, mas que ninguém repara que estão lá. Todos estão demasiado ocupados em vivê-los. Desde há uns anos a esta parte, o Teatro do Vestido tem-se dedicado sistematicamente a uma observação das coisas mínimas do quotidiano com vista a inscrevê-las em objectos performativos que reflictam uma relação íntima com a realidade e transmitam o nosso olhar perplexo (apaixonado?) perante ela.

O Teatro do Vestido vem mais uma vez ao Festival, ao Alentejo; esta chegada, bem como o processo criativo desenvolvido e os resultados apresentados pela companhia, serão certamente tão familiares quanto surpreendentes e inesperados.

Ficha Técnica e Artística

Encenação: Joana Craveiro
Criação, Interpretação, Textos: Inês Rosado, Joana Craveiro, Rosinda Costa
Dramaturgia: Teatro do Vestido
Instalação: Gonçalo Alegria
Assistência de Encenação Lara Portela
Produção: Sandra Carneiro
Co-Produção: Festival Escrita na Paisagem
Apoios: CP, Comboios de Portugal; Sociedade Guilherme Cossoul Apoios: Direcção-Geral das Artes do Ministério da Cultura REFER

Local:
Estação de Comboios de Évora

Data de início:
28 de Agosto de 2010

Data do fim:
28 de Setembro de 2010

Ficha técnica:



Calendar

 March | April | May 

S M T W T F S
    
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
 

Search


Login

Brevemente disponível

Newsletter

Brevemente disponível


Footer

© Direção-Geral das Artes, all rights reserved.

  • Logo Ministério da Cultura
  • Logo Instituto das Arates
  • Logo Programa Operacional da Cultura
  • Bandeira da União Europeia
  • Símbolo de conformidade nível AA das Directrizes de Acessibilidade Web
  • Web Accessibility icon[D]