DGArtes - Agenda Online

Header Gestão Electrónica de Concursos

Acessibilidade


imprimir

Exposição | Nikias Skapinakis

Desenho a Preto e Branco e a Cores - Antologia Gráfica, 1958-2009 - Nikias Skapinakis, de ascendência grega, nasceu em Lisboa em 1931. Frequentou o curso de arquitectura, que abandonou para se dedicar à pintura, actividade que manteve regularmente até ao presente.

Começou por expor em 1948, nas Exposições Gerais de Artes Plásticas, e, desde então, realizou diversas exposições individuais e participou em numerosas colectivas em Portugal e no estrangeiro. Além da pintura a óleo, como actividade dominante, dedicou-se à litografia, à serigrafia e à ilustração de livros. Entre outras obras, ilustrou Quando os Lobos Uivam, de Aquilino Ribeiro (Livraria Bertrand, 1958) e Andamento Holandês, de Vitorino Nemésio (Imprensa Nacional, 1983). Executou litografias para o Congresso de Psicanálise de Línguas Românicas (1968) e para o Cinquentenário do Banco Português do Atlântico (1969). Executou serigrafias para Kompass (1973).

É autor de um dos painéis do Café "A Brasileira do Chiado" (1971) e participou na execução do painel comemorativo do 10 de Junho de 1974.

Em 1963 obteve a Bolsa Malhoa da Sociedade Nacional de Belas-Artes. Em 1976-1977 foi-lhe concedido um subsídio para investigação pela Fundação Calouste Gulbenkian.

Em 1985, o Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian mostrou uma exposição antológica da sua pintura, completada com uma retrospectiva da obra gráfica e guaches na Sociedade Nacional de Belas-Artes.

Em 1990 foi-lhe atribuído o prémio da crítica A.I.C.A.-S.E.C...

Em 1993 apresentou no Palácio Galveias (C.M.L.) uma antologia de desenhos realizados a partir de 1985.

Em 1996, o Museu de Arte Contemporânea do Chiado realizou uma retrospectiva de retratos (1955-74).

Em 2000, o Museu de Arte Moderna da Fundação de Serralves apresentou a exposição antológica "Prospectiva", que reuniu pintura e desenho entre 1966 e 2000.

No ano de 2005 recebeu o Grande Prémio Amadeo de Souza Cardoso e realizou um painel em cerâmica para o Metropolitano de Lisboa. No ano seguinte, a Fundação Arpad Szenes-Vieira da Silva apresentou a série de pinturas "Quartos Imaginários" relativa a quartos de dormir e a ateliês de diversos pintores e poetas.

Em 2006, foi-lhe atribuído o primeiro prémio do Casino da Póvoa de Varzim.
Tem publicado textos de intervenção crítica em diversos jornais e revistas.

Vive e trabalha em Lisboa.

Os Artistas Unidos produziram, em 2007, um filme realizado por Jorge Silva Melo intitulado NIKIAS SKAPINAKIS: O TEATRO DOS OUTROS ( edição Midas).

Os Artistas Unidos e a Fundação D. Luís I apresentam no Centro Cultural de Cascais de 16 de Dezembro a 14 de Fevereiro

Artistas Unidos - Estrutura Financiada pelo Ministério da Cultura/Direcção-Geral das Artes

Local:
Centro Cultural de Cascais

Data de início:
16 de Dezembro de 2009

Data do fim:
14 de Fevereiro de 2010

Ficha técnica:



Calendário

 Fevereiro | Março | Abril 

D S T Q Q S S
 
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
   

Pesquisa


Login

Brevemente disponível

Newsletter

Brevemente disponível


Rodapé

© Direção-Geral das Artes, todos direitos reservados.

  • Logo Ministério da Cultura
  • Logo Instituto das Arates
  • Logo Programa Operacional da Cultura
  • Bandeira da União Europeia
  • Símbolo de conformidade nível AA das Directrizes de Acessibilidade Web
  • Símbolo de Acessibilidade à Web[D]