DGArtes - Agenda Online

Header Gestão Electrónica de Concursos

Acessibilidade


imprimir

Danças Diabólicas com Aldara Bizarro

Danças Diabólicas | Atelier de Dança e Filosofia para crianças

Um soldado vende o seu violino ao diabo. O preço que o soldado vem a pagar por o ter feito é muito maior do que aquilo que alguma vez imaginou. A sua iniciativa impensada faz com que o soldado passe a viver num mundo onde a relação causa efeito tem proporções gigantescas desenhando um mundo irreal paralelo.

A partir da História do Soldado, de Stravinsky, vamos explorar e brincar com a relação causa efeito em dança, potenciando-a, analisando-a e relacionando-a com a vida. Se sou empurrado de uma maneira como é que o meu corpo reage, se sou puxado e colaboro, que linha o meu corpo desenha no espaço, se sou impelido a rolar e decido de repente responder em autonomia, o que acontece? Se ao correr com um grupo e me revolto tomando sozinho uma outra direcção, seguem-me? Se num grupo sou o único em contratempo, estou perdido?

É, recorrendo a perguntas, imaginando respostas, criando movimentos, antecipando pensamentos, desenhando o espaço, que iremos criar, em conjunto, ao som desta obra maravilhosa de um compositor que teve um papel preponderante na dança da primeira metade do século XX, as nossas danças diabólicas.

Aladara Bizarro

Nasceu em 1965 em Moçambique. Como intérprete, trabalhou com Rui Horta, Paulo Ribeiro, Francisco Camacho, Joana Providência, Paula Massano e Madalena Victorino.

Desenvolve trabalho como coreógrafa desde 1990. Tem igualmente desenvolvido trabalho na área do ensino da dança nas seguintes instituições: Escola de Rui Horta, Pró-Dança, Escola de Arte e Ofícios do Espectáculo, Chapitô, C.E.M, Fórum Dança e Centro Cultural de Cascais. É directora da Jangada de Pedra, que fundou em 1999, com Rui Nunes. Juntos conceberam o Festival W.A.Y. Actualmente sob a direcção de Aldara Bizarro, a identidade artística da Jangada passa pelo desenvolvimento de projectos artísticos situados na intersecção da dança contemporânea com outras artes, procurando assim estender as fronteiras desta disciplina e no apoio à produção de espectáculos para diferentes públicos, estando representada nas melhores redes do país. Organiza também actividades pedagógicas para o público jovem, numa perspectiva da disseminação da dança e sensibilização de públicos.



Datas | 6 a 8 Abril
Horário | 10h-13h :: Dos 6 aos 9 anos
15h-18h :: Dos 10 aos 12 anos
Local | Espaço NEC - Fábrica Social - Fundação Escultor José Rodrigues
Rua da Fábrica Social, s/n - Porto

Público-alvo | infanto-juvenil

Inscrição | 40 euros

2 ou mais inscrições | 36 euros por participante (desconto de 10% por inscrição)

N.º limite de inscrições | 20 participantes por grupo

Nota:: O prazo de inscrição termina a 1 de Abril.
Desistências após dia 3 de Abril implicam a devolução de apenas 50% do valor pago.
Desistências a partir do 1º dia do workshop não implicam qualquer tipo de devolução.


Mais Informações em:

http://www.youtube.com/aldarabizarro

Local:
Espaço NEC - Fábrica Social - Fundação Escultor José Rodrigues | Porto

Data de início:
06 de Abril de 2009

Data do fim:
08 de Abril de 2009

Ficha técnica:



Calendário

 Dezembro | Janeiro | Fevereiro 

D S T Q Q S S
     
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
      

Pesquisa


Login

Brevemente disponível

Newsletter

Brevemente disponível


Rodapé

© Direção-Geral das Artes, todos direitos reservados.

  • Logo Ministério da Cultura
  • Logo Instituto das Arates
  • Logo Programa Operacional da Cultura
  • Bandeira da União Europeia
  • Símbolo de conformidade nível AA das Directrizes de Acessibilidade Web
  • Símbolo de Acessibilidade à Web[D]